Entrevista com Autora de livro, super especial #11



Teka Jorge











A Autora do livro A Felicidade não Tem Idade






Fale um pouco do seu livro:


O livro foi realizado para todas as idades porque eu quis mostrar que jovens e mais velhos tem que buscar o  amor, pois esse é o caminho que nos leva para um mundo e uma vida melhor.




Qual é a emoção de ter seu livro publicado?


Todo autor sente que cada livro é um novo filho, mas como amo meus filhos mais que tudo, para mim é sempre um novo desafio do qual tenho que superar.




Pretende publicar mais algum? Conte-nos tudo...


Já estou trabalhando em outro, e a solidão para escrever compensa todo o restante que você abre mão.




Você acha que tem ter lugar certo para escrever?


Nada, o autor escreve até onde não tem caneta, ele empresta e dá um jeito. Fui fazer uns exames médicos de rotina e na sala de espera fiquei escrevendo, e não escutei a moça falar a minha senha. 




Onde busca inspiração?


Situações que já vivi, ou que quero ainda viver, nas histórias das pessoas que conheço e suas tristezas, enfim, na vida e seu cotidiano.




Teve algum personagem que mais se identificou ao escrever seu livro? Qual e por quê?


Claro que sim, meu primeiro livro O Preço da Liberdade, com a personagem principal, no livro Sedução pois sempre fui o patinho feio da família, depois consegui resgatar isso com terapia e alongamento, e trabalhando na área da beleza por 12 anos.




Qual é o seu autor favorito?


Existem vários, cada qual a sua maneira. Mas, gosto do Roberto Shinyashiki e o autor Irvin D. Yalom, que escreveu quando Niestzche chorou, psiquiatra e ajuda muitos profissionais em sua busca pelo conhecimento da alma humana.




Em todo o processo do livro, o que foi mais difícil e o mais divertido?


O mais difícil é sempre estar diante de sua própria realidade e ter que se abster na hora de escrever pois a minha opinião não deve contar muito, mas sim o que ouço, vejo e trabalho em terapia com pessoas que me procuram.
O mais divertido é falar os casos que deram muito trabalho e com a ajuda de Deus consegui dar uma direção.




Depois de um grande sonho realizado, qual será o próximo de realizar?


O novo livro que está sendo para mim, um enorme desafio e me faz lembrar muito de meus filhos quando eram crianças tem pó que não volta mais, porém penso em meus netos de como vão curtir, ou será que eu não? Quem sabe.




Deixe uma mensagem para seus fãs:


Queridos amigos, não se preocupem com a descriminação, ou como alguém não reconhece o que você realizou, ou se você é mais bonito(a) ou não, o importante é não abrir mão de sua essência e sua origem, pois o homem só pode ser feliz quando assume de maneira integral sua essência. Amo vocês. Beijocasss



Um comentário

  1. Ainda não li o livro, mas adorei a entrevista.

    ResponderExcluir